Presídio feminino de Jateí recebe higienização com nebulizadores em combate à Covid-19

Diferentes técnicas de sanitização estão sendo aplicadas no Estabelecimento Penal Feminino “Luiz Pereira da Silva”, em Jateí, e garantem maior efetividade no combate à proliferação do novo coronavírus. De forma inédita, a unidade recebeu desinfecção com método de termonebulização.

O município foi o primeiro a receber esse tipo de higienização em Mato Grosso do Sul, que está sendo realizado pela Prefeitura de Jateí, por meio da Secretaria Municipal de Saúde. Além disso, foi instalado na portaria da unidade penal um higienizador de mãos com pedal, para garantir mais segurança durante desinfecção de todos que adentram o local.

O objetivo é assegurar a obtenção de superfícies, equipamentos e ambientes com características adequadas de limpeza e baixa carga microbiana residual, a fim de evitar a transmissão do vírus entre os moradores do município.

De acordo com a diretora da unidade penal, Solange Pereira da Silva, o sistema de nebulização é a base de amônia e eucalipto e atua na destruição de bactérias e vírus de forma segura e eficaz. “Todo o presídio passou pela dedetização, principalmente ambientes de grande circulação, salas e veículos. Além disso, utilizamos materiais de proteção individual e protocolos que garantem maior segurança e prevenção em relação.

Á pandemia”, destacou.

Com a aquisição de três equipamentos nebulizadores, além da unidade penal, também estão sendo higienizados diariamente prédios públicos como prefeitura, farmácia municipal, posto de saúde, hospital e demais instituições.

Para contribuir no combate à disseminação da Covid-19 no município, servidores penitenciários vão participar da barreira sanitária. “Realizamos uma escala de três policiais penais, que estarão atuando nas barreiras de forma voluntária”, informou Solange.

Confira o vídeo demonstrando como é realizada a desinfecção com método de termonebulização.