Os movimentos do governo nos momentos que precederam o depoimento de Pazuello

A participação de Eduardo Pazuello na CPI da Covid na semana passada foi precedida de muitos telefonemas, pedidos de calma e promessas aos senadores integrantes da comissão.

LEIA MAIS: ‘Isso é coisa de internet’, uma frase cuidadosamente preparada para Pazuello

Instado pelo governo, José Sarney ligou para Renan Calheiros sugerindo menos agressividade. O comandante do Exército, Paulo Sérgio Nogueira, fez um apelo no mesmo sentido a Omar Aziz.

LEIA MAIS: ‘O Pazuello atuou como goleiro. Todo mundo esperava um 7 a 1. E isso não aconteceu’

E a todos os senadores interessados o governo fez rodar no ar uma possibilidade que muito os apraz: a indicação de Humberto Martins para a vaga de Marco Aurélio Mello no STF.