Leclerc não esperava por pole no Azerbaijão após “volta de m…”

Em um fim de semana até então dominado pelo motor Honda, com as RBRs de Max Verstappen e Sergio Pérez e a AlphaTauri de Pierre Gasly nos treinos, foi Charles Leclerc, da Ferrari, que ficou com a pole position no GP do Azerbaijão, neste sábado. Mas apesar de estar feliz com o desempenho inesperado, o monegasco confessou não esperar o resultado que obteve na definição do grid de largada.

– Foi uma volta de m…, pensei. Houve duas ou três curvas onde cometi erros, então tive um “empurrão” de Lewis no último setor, o que me ajudou um pouco. Mas não esperava ser tão competitivo – revelou Leclerc.

Apesar da Ferrari ter feito um bom início de classificação, a disputa até então parecia concentrada entre os dois carros da RBR e Lewis Hamilton, da Mercedes. No entanto, Leclerc encontrou o ritmo ideal no Q3 e, já no início da sessão, cravou o tempo que confirmaria a nona pole de sua carreira.

Ao longo do fim de semana, diante da queda de rendimento da Mercedes nos treinos, a Ferrari apareceu entre as mais rápidas ao lado da rival austríaca. O desempenho se repetiu no classificatório, embora Carlos Sainz tenha batido no final e danificado a parte dianteira do carro.