Decisivo mais uma vez, Gabigol mira dificuldades para o Flamengo fora de casa: “É só o começo”

Teve gol do Gabigol na noite de terça-feira no Maracanã. Quase sempre tem! O atacante deixou sua marca duas vezes na vitória do Flamengo por 4 a 1 sobre o Union de La Calera, do Chile, e foi eleito o melhor em campo na partida pela segunda rodada do Grupo G da Libertadores. Começo dos sonhos, mas que não ilude o camisa 9.

Gabigol, do Flamengo, comemora seu segundo gol contra o La Calera — Foto: André Durão

Gabigol, do Flamengo, comemora seu segundo gol contra o La Calera — Foto: André Durão

Em entrevista após a partida, Gabriel ressaltou a importância dos resultados positivos neste início de competição e alertou para sequência difícil que o Flamengo tem fora de casa. Na próxima terça, a equipe encara a LDU na altitude de Quito. Em seguida, visita o La Calera em estádio com grama sintética. Dificuldades que estão no radar do artilheiro.

– Começar com o pé direito é muito bom. Conseguimos uma boa vitória fora de casa, fazia tempo que o Flamengo não vencia na Argentina. Depois, mandamos o jogo e vencemos. É muito bom começar assim, mas é só o começo.

“Claro que é importante começar vencendo. São seis pontos, mas são vários em disputa. Temos a altitude, temos o campo sintético, mas começar assim já ajuda bastante”

 

Gabigol falou ainda da proximidade do recorde de Zico, maior artilheiro do Flamengo na história da Libertadores, com 16 gols. O camisa 9 já soma 14:

Flamengo x Unión La Calera gol Gabigol Libertadores — Foto: André Durão

Flamengo x Unión La Calera gol Gabigol Libertadores — Foto: André Durão

– Espero bater (o recorde), passar o nosso rei. Mas acho que ele sempre será nosso rei, estará no nosso coração independente de marca. Não vai tirar o mérito dele, é nosso ídolo. Falei com ele há poucos dias e ele estava torcendo por isso. Dedico esse prêmio a ele.

 

Com os dois gols marcados contra os chilenos, Gabriel chegou a 101 participações em gols com a camisa do Flamengo: 77 gols e 24 assistências. Sábado, o centroavante tem a chance de ampliar a marca diante do Volta Redonda, às 21h15 (de Brasília), no Maracanã, pela semifinal do Carioca.