Agepen atua para a resolução de conflitos e melhoria das relações interpessoais dos servidores

Responsável por atuar na atenção psicológica e social dos agentes penitenciários de Mato Grosso do Sul, a equipe do Núcleo de Apoio ao Servidor da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen) realiza ações individuais e coletivas que buscam levar acolhimento e resolução de demandas que podem afetar os profissionais no ambiente de trabalho e na vida.

Dentre as iniciativas desenvolvidas, o Apoio ao Servidor promove trabalhos diretamente nas unidades penais ou em setores da Agepen, buscando resolver algum tipo de conflito no ambiente profissional.

O foco é trabalhar uma forma de melhorar o relacionamento interpessoal dentro da organização, ou mesmo desenvolver ações preventivas que proporcionem maior harmonia, pontua a chefe do núcleo, agente penitenciária e assistente social Maria Roseneusa dos Santos Oliveira.

Ela explica que esse trabalho pode ser solicitado ao setor diretamente pela direção, chefias ou mesmo através de outros encaminhamentos. “Cada caso é um caso, sendo feitas abordagens direcionadas, utilizando–se de dinâmicas e técnicas da Psicologia”, enfatiza.

Uma das psicólogas que atua no setor de Psicologia do Núcleo, agente penitenciária Lucimara Mateus Potric de Souza informa que ações neste sentido vêm sendo desenvolvidas com resultados bastante satisfatórios. “Tivemos casos em que a chefia acreditava que a origem do problema fosse uma e com esse trabalho técnico que realizamos, descobrimos que não era, o ponto focal era outro, então pudemos dar o direcionamento necessário”, comenta.

Acolhimento e Sigilo

Cuidando de profissionais que atuam em uma das profissões mais estressantes do mundo e que trabalham em meio a um ambiente com vidas marcadas pelo crime, o principal objetivo do setor é levar acolhimento a esses agentes, em busca da saúde física e mental para que possam ter uma melhor qualidade de vida no trabalho.

“No sistema penitenciário temos um desafio ainda maior, porque o pano de fundo é a violência de todas as formas, então se não trabalharmos esses aspectos com muita atenção e prioridade, todas as outras coisas vão nos marcar de forma muito negativa e aí colocamos a saúde em risco, os relacionamentos familiares e interpessoais, que são muito importantes, em segundo plano”, enfatiza Maria Roseneusa.

Neste cenário, um dos grandes desafios do Setor ainda é desmistificar o preconceito e a quebra da resistência em buscar assistência psicológica. Mas tanto nas abordagens coletivas, como nos atendimentos individuais, o trabalho desenvolvido pela equipe é baseado na ética e no sigilo necessário, ressalta a agente Vanessa Saad Mariano Acuña, que também integra a equipe de Psicologia. “Não vamos para fazer julgamentos ou apurações, não é nosso papel, mas sim ajudar no que pode ser feito para melhorar aquela situação”, destaca.

Diversas Ações

A equipe do Núcleo de Apoio ao Servidor da Agepen realiza atendimentos presenciais ou por telefone, visitas domiciliares e hospitalares, bem como em unidades penais da capital e interior.

O setor possui pronto atendimento, orientação e aconselhamento psicológico, suporte emocional, acolhimento e encaminhamentos médicos quando necessário, para servidores com atestados acima de 30 dias, em readaptação funcional ou servidores encaminhados por diretores, chefias das unidades penais e para servidores que procuram o setor por iniciativa própria.

Também disponibiliza serviços como encaminhamentos e orientações de saúde física, mental e funcional, situações relacionadas à perícia médica, assessoramento à diretoria quanto a possíveis casos de transferências de servidores entre Unidades Penais; agendamento de Boletim de Inspeção Médica (BIM) que estão de licenças médicas com atestados acima de três dias, e abertura da Comunicação de Acidente de Trabalho.

A equipe ainda atua junto a grupos específicos como o de acompanhamento a servidores que estão próximos de se aposentarem, bem como com os que já estão aposentados; além de coordenarem campanhas em parceria com outras instituições como a Caixa de Assistência dos Servidores do Mato Grosso do Sul (Cassems).

Subordinado à Diretoria de Administração e Finanças e à Divisão de Recursos Humanos, o Núcleo de Apoio ao Servidor existe na estrutura da Agepen há 25 anos. O setor atualmente é formado por uma assistente social e três psicólogas, concursadas especificamente para a atenção ao servidor.

O contato com o Setor pode ser feito pelo e-mail servidor@agepen.ms.gov.br, ou pelos telefones 3901-1623 (Chefia) ou 3901-3500 (Psicologia).

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui