Vizinho solidário: Vereador Otávio Trad apresenta projeto que cria rede de prevenção nos bairros

Para o vereador Otávio Trad (PSD), a população também pode contribuir com a segurança nos bairros de Campo Grande. O parlamentar apresentou o Projeto de Lei nº 10.169/21, que institui o Vizinho Solidário, uma rede voluntária de vigilância formada por moradores.

O projeto incentiva a união e comunicação dos vizinhos para a prevenção da criminalidade e a aproximação da população das forças de segurança, como a Polícia Militar e a Guarda Civil Metropolitana.

“Temos que despertar a responsabilidade de todos quanto a segurança pública, mudando o papel da população de apenas vítima para agente”, defende o vereador.

A proposta prevê a realização de palestras e seminários nos bairros, ministradas por pessoas ou entidades voluntárias da área da segurança pública e a identificação das regiões participantes por meio de placas ou adesivos.

Otávio ainda destaca o papel da tecnologia para a implementação do “Vizinho Solidário”. “Hoje temos instrumentos que podem auxiliar muito essa interação dos moradores, como os aplicativos de conversa e as redes sociais. Através de ferramentas como essas podemos colocar um bairro inteiro atento à segurança pública, diminuindo os índices de criminalidade e melhorando a qualidade de vida de todos”, completa o vereador.

Na prática – Foi o que aconteceu no bairro Jardim Ouro Verde, na região sul da Capital. Há cerca de um ano, os moradores implantaram o Vizinho Solidário e viram uma redução de cerca de 80% nos furtos, segundo o presidente do bairro, Márcio do Carmo Vieira Lima.

“Estava tendo muitos assaltos na região, então fizemos uma reunião e criamos um grupo no Whats App e começamos a monitorar. Quando percebemos alguma coisa estranha comunicação a Polícia Militar ou a Guarda Municipal”, explicou.

Autoria cidadã – Esta proposição é fruto da ideia de , presidente da Associação de Moradores do Bairro Jardim Ouro Preto.

#PraCegoVer: Fotografia. Fachada de uma casa com portão vazado, na cor vinho. Ao lado do portão, no muro da casa, uma placa em vermelho e branco: “Área Monitorada. Vizinho Solidário. 190”. Fim da descrição.