Tumulto em festival religioso em Israel deixa 44 mortos e mais de 100 feridos

Órgãos de saúde israelenses disseram que as vítimas morreram pisoteadas após um tumulto. Cerca de 100 mil pessoas tinham se reunido para o festival do Lag Ba’Omer, que comemora o 33º dia da Contagem do Omer, um total de 49 dias que vão da Páscoa Judaica ao Shavuot, a Festa da Colheita.

Autoridades de Israel afirmaram que pelo menos 44 pessoas morreram e mais de 100 ficaram feridas durante um evento religioso superlotado no Norte do país, na noite desta quinta-feira (29). De acordo com as primeiras informações, uma arquibancada de metal desabou, informou o portal G1. Órgãos de saúde israelenses disseram que as vítimas morreram pisoteadas após um tumulto.

Cerca de 100 mil pessoas tinham se reunido para o festival do Lag Ba’Omer, que comemora o 33º dia da Contagem do Omer, um total de 49 dias que vão da Páscoa Judaica ao Shavuot, a Festa da Colheita. A data marca o aniversário da morte do rabino Shimon Bar Yochai, que viveu no século II e foi enterrado no local onde acontecia o festival.

Segundo a Estrela de David Vermelha, correspondente judaico da Cruz Vermelha, 38 pessoas estão em condição crítica. Elas estão sendo atendidas no local do incidente. Outros seis pacientes estão em estado grave e foram transferidos para hospitais. Os demais sofreram ferimentos moderados ou leves.