SEDESC ORIENTA MICROEMPREENDEDORES A FAZER DECLARAÇÃO ANUAL ATÉ 31 DE MAIO

Com expectativa de atender cerca de 1.200 microempreendedores, a Sedesc (Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e de Ciência e Tecnologia) oferece até dia 31 de abril atendimento aos empreendedores que buscam apoio para fazer a Declaração Anual do Simples Nacional (DASN – SIMEI). O atendimento nas incubadoras é realizado das 7h30 às 13h30, de segunda a sexta-feira nas incubadoras localizadas nos bairros Santa Emília, Mário Covas, Zé Pereira e Estrela Dalva.

O artesão Rillis Jorge de Queiroz Makimoto foi um dos empreendedores atendidos na Incubadora Tecnológica para fazer a Declaração de Faturamento. “Fui atendido rapidamente e com uma qualidade muito boa, por isso recomendo esse trabalho aos MEIs”, afirma o artesão. “Esse é um serviço que nos atende muito bem e rápido. Em menos de 3 minutos fiz minha declaração”, completou Rillis Makimoto.

O Microempreendedor Individual deve declarar o valor total de todas suas vendas de mercadorias e prestação de serviços sem deduzir nenhuma despesa (faturamento bruto), relativos ao ano anterior. Prazo final para entrega da declaração é 31 de maio. Entregar a declaração após essa data terá multa que gira de R$ 27,00 à R$ 35,00.  Essa é uma das obrigações e responsabilidades que o MEI deve apresentar anualmente.

Rafael Belard, micro empresário no ramo de barbearia destaca o atendimento de excelência que recebeu na Sala do Empreendedor. “Achei muito bom o serviço, bem dinâmico, foi de grande ajuda. Antes eu fazia sozinho, mas era muito demorado”, afirma Rafael. Ele comenta ainda que já indicou a Sala do Empreendedor a outros MEIs. “Vou continuar indicando o atendimento na Incubadora porque é rápido e de excelente qualidade”, completa o microempreendedor.

Sobre a Sala do Empreendedor

A Sala do Empreendedor é uma ação integrante do programa de gestão produzido pela Sedesc (Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e de Ciência e Tecnologia), em parceria com diversas unidades governamentais e não  governamentais, com objetivo de otimizar processos para micro e pequenos empresários de Campo Grande. Dessa forma, o projeto tem como propósito disseminar a educação empreendedora, fomentando o fortalecimento dos pequenos e microempreendedores campo-grandenses, com orientações, processos simplificados e desburocratizados, levando criatividade, incentivos e conhecimentos que facilitem a abertura e regularização de empresas na capital.

Locais
• Incubadora Municipal Norman Edward Hanson – Av. Gen. Alberto Carlos Mendonça Lima, 2251 – Jardim Santa Emília
• Incubadora Municipal Mário Covas – Rua Leandro da Silva Salina, 668 – Res. Mário Covas
• Incubadora Municipal Zé Pereira – Rua Eugênio Perón, 676 – Jardim Zé Pereira
• Incubadora Municipal Francisco Giordano Neto – Marques de Leão, 1214 – Estrela Dalva