Ronaldo Fenômeno conta que comprou pedra de 80 mil reais de João de Deus: ‘Me senti violado’

Jogador profissional desde os 16, há uma década longe dos campos e e às vésperas de completar 45 anos de vida, Ronaldo Nazário, o Fenômeno, celebrou sua prolífica trajetória no programa desta quinta-feira, 20/5.

Ídolo do futebol mundial que se tornou empresário do ramo (é dono do time espanhol Valladoilid, da cidade homônima) ele conversou com Pedro Bial sobre os mais variados assuntos, entre eles a vida na pandemia, a carreira de DJ do filho Ronald e o possível golpe que sofreu do médium João de Deus.

Ele conta que não tinha nenhum problema nem buscava cura quando visitou o município de Abadiânia, em Goiás. Movido pela curiosidade, aceitou o convite do próprio João e organizou uma turma para conhecê-lo. “Fiquei impressionado, mas depois de ver o que ele realmente era, aquilo me assustou”, confessa.

Ele recorda que o médium comentou que sofrera um assalto e, em tom de desabafo, afirmou que quando não era uma entidade era uma pessoa normal, um garimpeiro, e precisava de dinheiro. “A gente decidiu ajudar comprando algumas pedras”, relembra.

“Decidi comprar uma no preço de 80 mil reais. Depois dessa história toda que veio à luz, e parece que acontecia há muito tempo, eu também me senti violado, levei uma ‘facada'”, lamentou.