PROJETO DE LEI PARA IMPLANTAÇÃO DO NOVO MICROCRÉDITO FOI ENTREGUE NA CÂMARA MUNICIPAL NESTA SEGUNDA (7)

O projeto de Lei que trata da implantação do novo microcrédito para pequenos empreendedores foi entregue na Câmara Municipal de Campo Grande nesta segunda-feira (7). Construído pela Prefeitura de Campo Grande, por intermédio da Fundação Social do Trabalho (Funsat), o projeto vem sendo desenhado e discutido por grupo de trabalho técnico desde janeiro deste ano.

O novo microcrédito vem fortalecer o pequeno empreendedor e consequentemente o trabalhador, que desde o início da pandemia do novo Coronavírus, anunciada em 13 de março de 2020, vem tendo prejuízos financeiros.

“O Programa Municipal de Microcrédito Popular (Programa Avançar) objetiva promover a inclusão social e produtiva, o desenvolvimento sustentável e a geração de emprego e renda entre os empreendedores individuais, formais ou informais, microempresas e cooperativas, por meio da concessão de microcrédito e capacitação empreendedora”, explicou o prefeito Marquinhos Trad.

O microcrédito é considerado um empréstimo de caráter social, inclusivo e orientado, concedido de forma simplificada para fomento e financiamento das atividades produtivas com taxas de juros reduzidas. Campo Grande está em uma fase de recuperação econômica, portanto fomentar o empreendedorismo é mais um passo nessa retomada do crescimento.

O diretor presidente da Funsat Luciano Martins disse que o microcrédito será algo transformador nesse período de pandemia.

“A ideia de um projeto de Lei visando o microcrédito é muito importante para o desenvolvimento econômico da nossa Capital, sobretudo em época de pandemia. O desemprego ganhou alguns contornos, então além de fomentar o micro empreendedorismo e a geração de renda, a Prefeitura de Campo Grande está buscando resgatar o brilho e a dignidade das pessoas, para que elas possam alcançar seus objetivos profissionais e pessoais”.  Finaliza Luciano.

O evento contou presença do presidente da Câmara Municipal, vereador Carlão e demais parlamentares.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui