PREFEITURA PROMOVE PALESTRA NA CIDADE DOS MENINOS SOBRE PREVENÇÃO AO SUICÍDIO E FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS

A Prefeitura de Campo Grande ~, por meio da Subsecretaria de Políticas para a Juventude, em parceria com a Cidade dos Meninos, promoveu nesta quarta-feira (28), uma palestra para cerca de 70 jovens, abordando o suicídio.

A subsecretária de Políticas para a Juventude, Laura Miranda destacou que a palestra tem a finalidade de garantir o bem-estar social, fortalecer a autoestima e o desenvolvimento psicossocial, além de contribuir para resolução de conflitos cotidianos vivenciados pelas crianças e adolescentes.

“A gente entende que neste momento nós temos que fazer nossos jovens olhar as oportunidades e saber que tudo isso vai passar e eles têm que estar preparados, qualificados e mais do que isto motivados. Quando as oportunidades aparecerem num futuro próximo é o que a gente espera, os jovens estarão preparados”.

Marco Antônio de Moraes que com palestra de prevenção ao suicídio e fortalecimento de vinculo trabalhou o tema vivendo acima das circunstâncias.

“Vamos fazer com que os jovens entendam que as circunstâncias ainda que não favoráveis não podem de maneira nenhuma interferir no nosso estado emocional, na nossa forma de viver, na nossa razão de viver. Aquilo que é possível mudar nós vamos mudar, e o que não é possível mudar não vamos gastar energias. Não vamos entrar em pânico porque a vida continua e vamos focar em uma outra coisa, naquilo que é bom e fazer o melhor”.

Para a coordenadora pedagógica da Cidade dos Meninos, Terezinha Jorge destacou a importância da palestra para os meninos.

“Esta palestra é importantíssima para os jovens e adolescentes por principalmente neste momento que estamos vivendo com a pandemia. Eles estão um pouco apáticos e depressivos e com esta palestra eles terão um ânimo na vida deles e o objetivo da Cidade dos Meninos e fornecer formação cidadã e junto com esta formação nos também damos a formação profissional que serve para o encaminhamento para o mercado de trabalho. Eles começam como menores aprendiz e a grande parte ficam trabalhando na empresa”.

O presidente da Cidade dos Meninos, Ramão Marcondes citou o exemplo de sua vida para os jovens e adolescentes.

“Sempre eu comento como eu comecei no trabalho, que não foi nada fácil e estou aqui para orientar que eles tenham uma carreira diferenciada e para isso trabalhamos muito em cima da cidadania porque o nosso país ainda não atingiu o nível cultural necessário daí nos trabalhos com eles para dias melhores em suas vidas e de suas famílias”, finalizou.