PARA ATENDER PRODUTORES, PREFEITURA INAUGURA EM OUTUBRO POSTO AVANÇADO NO DISTRITO DE ROCHEDINHO

A Prefeitura prepara, por meio da Sidagro (Secretaria de Inovação, Desenvolvimento Econômico e Agronegócio), a inauguração do Posto Avançado de Apoio ao Produtor no Distrito de Rochedinho, localizado a 24 km de Campo Grande. O objetivo é ampliar e melhorar o atendimento às famílias de produtores locais. O Posto Avançado deverá ser inaugurado em outubro e deve ser instalado numa sala anexa à Escola Municipal Agrícola Barão do Rio Branco

O Distrito, que conta com 1.093 habitantes e 404 casas construídas, já recebe apoio da Sidagro com equipamentos e equipe técnica que tem visitado o local e identificou a necessidade de atendimento específico. As reuniões tem sido acompanhadas por técnicos da Semed (Secretaria Municipal de Educação) e pelo subprefeito Silvio Santos.

“Pouco mais de 80% dos alunos da escola pertencem a famílias de agricultores instalados em propriedades na região. Nossa proposta é realizar levantamento para saber quais culturas agrícolas deverão ser privilegiadas no processo de transmissão de conhecimentos a esses alunos, além do trabalho de fomento aos produtores”, informa o agrônomo João Duarte, superintendente do Agronegócio da Sidagro.

A vice-prefeita Adriane Lopes e professores da escola de Rochedinho também aprovam a ideia da criação de um Posto Avançado. “Visitando o Distrito e os comerciantes do lugar, percebemos o anseio deles para expor e vender seus produtos e assim criarem um hábito, atraindo visitantes para o local”, afirma a vice-prefeita que sugeriu a criação de uma feira semanal aproveitando outros projetos em desenvolvimento pela Prefeitura como a rota do pedal.

Segundo o secretário Rodrigo Terra, o posto avançado da Sidagro no Distrito vai auxiliar tanto na produção quanto no escoamento e os professores da Escola Visconde do Rio Branco, que conta atualmente com 160 alunos, já estão sendo preparados junto com a equipe da Prefeitura para atender as necessidades dos alunos e suas famílias com a nova visão de escola agrícola.

Projeto de Piscicultura

Nesta manhã, a vice-prefeita Adriane Lopes, acompanhada do diretor da Escola Agrícola Barão do Rio Branco, Francisley Galdino, do professor Regivaldo Ortega, apresentou um pedido de apoio para a implantação de um projeto de piscicultura no Distrito, prontamente acatada pelo titular da Sidagro, Rodrigo Terra.  “A piscicultura não será só um projeto educacional, mas também uma proposta de fomento à economia daquele local, além de muitos outros projetos que estamos estudando para criação de cadeias produtivas na região de produtos característicos da comunidade, como leite e mandioca”, comenta Terra.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui