Ômicron parece não ter alta gravidade, mas é cedo para posições definitivas, diz conselheiro da Casa Branca

Os primeiros indícios sobre a variante ômicron do coronavírus são “um tanto encorajadores”, disse o principal assessor do governo dos Estados Unidos sobre a pandemia, Anthony Fauci. Ele indicou, no entanto, que ainda faltam informações para chegar a uma conclusão.

“É muito cedo para fazer qualquer afirmação definitiva”, disse Fauci à emissora americana CNN. “Até agora, não parece haver um grande grau de gravidade”.

“Temos que ter cuidado antes de fazer qualquer determinação de que é menos grave ou realmente não causa nenhuma doença grave comparável à variante delta. Mas até agora, os sinais são um tanto encorajadores em relação à gravidade”.