Nos EUA, mulher asiática é espancada e seguranças assistem sem fazer nada para ajudar

Um homem negro não identificado espancou uma mulher asiática enquanto ela andava até uma igreja em Midtown Manhattan, em Nova York, nos Estados Unidos. O momento foi registrado por câmeras de segurança que mostram o instante em que a senhora de 65 anos caminhava em direção ao local, até que o agressor aproxima e a enche de chutes na cabeça e na barriga.

É possível observar alguns seguranças do prédio assistindo à ação e sem tomar nenhum tipo de atitude. Eles ainda fecham a porta do estabelecimento para evitar algum problema. De acordo com informação do NY Post, o suspeito teria feito declarações xenofóbicas enquanto socava e chutava a mulher, durante a manhã de segunda-feira (29).

Em depoimento, uma pessoa afirmou que ele gritava frases atacando os asiáticos, como “Você não pertence a este lugar”.

O suspeito fugiu e ainda estava sendo procurado. A mulher sofreu uma fratura na pelve e foi levada para o hospital em condições estáveis.

Segundo o NY Post, o Departamento de Polícia de Nova York registrou um aumento de 1.300% nos crimes de ódio contra os americanos de origem asiática desde o início da pandemia do coronavírus.

Homem agride mulher asiática nos EUA (Foto: Reprodução)
Homem agride mulher asiática nos EUA (Foto: Reprodução)

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui