20.8 C
Campo Grande
domingo, julho 14, 2024

Modernização: servidores participam de capacitação visando atualização quanto aos processos avaliatórios

A Prefeitura de Campo Grande, por intermédio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana (Semadur), tem investido na modernização de seus sistemas e na capacitação técnica dos servidores municipais. Assim, entre os dias 15 de abril e 10 de maio, os auditores fiscais e técnicos da pasta participam de um curso voltado à atualização quanto aos procedimentos de avaliação imobiliária. O curso visa atender as necessidades de atualização do cadastro imobiliário do município de Campo Grande.

O Curso de Avaliação Imobiliária objetiva oferecer um escopo personalizado In Company, ou seja, um treinamento especializado aos servidores municiais que atuam diretamente na área, sendo dividido em seis módulos. A capacitação deve promover uma visão universal da avaliação de imóveis, apresentando detalhes do processo avaliatório, incluindo análise do mercado sob o ponto de vista de valoração imobiliária, transações, vistorias, recebimento de laudos técnicos com entendimento das normas técnicas e gestão imobiliária. Demonstrando aos servidores as metodologias mais modernas existentes na área de Avaliação Imobiliária.

Nesta sexta-feira (03), foi apresentada a palestra especial sobre Cadastro Territorial Multifinalitário (CTM) aplicada à gestão municipal. O CTM é de fundamental importância para prefeituras, por se tratar de uma organização com banco de dados digital, das informações voltadas para a integração de áreas distintas da administração pública a partir do próprio reconhecimento e conhecimento da realidade do município.

O professor e doutor, Everton da Silva, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), responsável pela palestra sobre o CTM, salienta que este Cadastro Multifinalitário é um instrumento de política pública essencial para que os gestores possam melhor administrar e gerir a cidade. “Estão contidos nesse cadastro, o conhecimento que temos sobre o município, a dinâmica que acontece no território, o que irá fazer com que outros instrumentos de política de solo e política urbano se efetivem de uma forma mais adequada e qualificada para a sociedade. Em Campo Grande é bastante interessante este movimento, a gestão é ciente da relevância dessas informações para o planejamento das ações. O Cadastro Multifinalitário está sempre em evolução, inclusive sendo considerado pelo Ministério das Cidades como instrumento para a políticas nacional de desenvolvimento urbano, como referência para as políticas públicas de desenvolvimento urbano sustentável das cidades”, explica.

A secretária municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana, Kátia Sarturi, reforça a importância da atualização, tanto técnica como profissional, na gestão pública. “Quando os servidores recebem treinamento e desenvolvimento adequados, eles melhoram suas habilidades e conhecimentos, o que leva a um aumento da eficiência e produtividade no trabalho. Além disso, a capacitação técnica ajuda a melhorar a qualidade dos serviços prestados e a inovar em processos e métodos de trabalho. Também contribui para a motivação e satisfação dos colaboradores, pois se sentem valorizados e mais preparados para enfrentar desafios”.

FonteAgência Municipal de Campo Grande