‘Mesmo se nosso presidente for abatido, o povo vai resistir’, diz ucraniana sobre ataques da Rússia

A ucraniana Olga Tarnovska relatou, em entrevista à GloboNews, que a situação em Kiev, capital da Ucrânia, é “muito tensa”.

Soldados russos estariam a cerca de 32 quilômetros da região, de acordo com informações obtidas pelo secretário de Defesa dos EUA, Lloyd Austin.

A professora e consultora de Meios de Comunicação, ainda afirmou:

“Mesmo se nosso presidente for abatido, não nos preocupa tanto. O povo vai resistir. É a nossa mensagem para o mundo.”

 

“É uma situação muito tensa porque tem muitas forças concentradas em uma área. As tropas russas estão tentando entrar na cidade, mas eles não vão passar. Estamos aqui totalmente seguros do nosso exército, do nosso povo. Estamos resistindo, as pessoas estão se alistando no exército municipal, local.”