Habilitado pelo CNH MS Social, José agora sonha com carro adaptado para ter liberdade completa

Em poucos dias, José Alonso dos Santos esteve duas vezes na sede do Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito) onde vivenciou emoções diferentes. No dia do exame prático de direção veicular, suas mãos ainda tremiam, mesmo depois da aprovação. Nesta sexta-feira (1°) os olhos brilhavam de emoção por receber a sua CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e falar dos novos planos.

“Para mim, é autonomia, agora eu conquistei minha autonomia. Se Deus me permitir agora vou atrás do carro para ter a liberdade completa. Uma alegria imensa”, declarou. Aposentado, José Alonso, de 52 anos, é a 8° pessoa com deficiência habilitada pelo Programa CNH MS Social, do Governo do Estado, executado pelo Detran-MS.

Morador do Aero Rancho, José Alonso é bastante proativo, pois está sempre em movimento. Ala/armador de uma equipe de basquete de Sidrolândia, ele também gosta de dançar e no dia a dia vende balas no centro para complementar a renda. “A maioria dos colegas tem habilitação, só eu que ficava dependendo de ônibus e às vezes de carona”.

Programa CNH MS Social

O CNH MS Social beneficia pessoas com vulnerabilidade social com acesso gratuito à primeira habilitação, nas categorias A, B e AB em todo Mato Grosso do Sul. Lançado em 2022, o programa já entregou 439 CNHs, sendo 8 para candidatos PCD.

Todo o processo de habilitação, incluindo gastos com a autoescola (aulas teóricas e práticas) e até o recolhimento das taxas do órgão de trânsito são custeadas pelo Governo do Estado. “A vida toda eu andei de ônibus, nunca tive a intenção de dirigir um carro. Minha sobrinha que me falou sobre o programa do Detran e eu me inscrevi, mas não tinha muitas esperanças. Quando fui chamado, botei na minha cabeça que ia passar e tirar minha CNH e agora consegui. Agora, eu já penso em comprar um carro”, contou José Alonso.

Isenção de ICMS para PCD

No último dia 19 de fevereiro, o Governo de Mato Grosso do Sul ampliou de R$ 100 mil para R$ 120 mil o valor-limite de isenção parcial do ICMS para a compra de automóvel novo a pessoas com deficiência física, visual, mental severa ou profunda, síndrome de Down e autista. Segundo a subsecretária de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência, Telma Nantes de Matos, a medida amplia o leque de possibilidades de aquisição de modelos de veículos dando mais condições para as pessoas com deficiência fazerem as adaptações necessárias.

Mireli Obando e Emmanuelly Castro, Comunicação Detran-MS
Foto: Detran-MS

FonteGoverno MS