Francis Ngannou é o novo campeão

Não há mais qualquer contestação possível. Após quatro vitórias por nocaute com o tempo somado de 2m42s, Francis Ngannou provou diante de Stipe Miocic, no UFC 260, por que é o lutador mais temido na atualidade. Com total superioridade durante toda a luta, o camaronês dominou o campeão desde o início, e conseguiu um lindo nocaute aos 52s do segundo round. Primeiro campeão africano dos pesos-pesados do UFC, Ngannou se junta a Kamaru Usman e Israel Adesanya na lista de lutadores africanos detentores de cinturões do UFC.

Francis Ngannou nocauteou Stipe Miocic no segundo round no UFC 260 — Foto: Getty Images

Francis Ngannou nocauteou Stipe Miocic no segundo round no UFC 260 — Foto: Getty Images

A luta

O primeiro round começou com Ngannou tomando a iniciativa dos ataques, mesmo com cautela, enquanto Miocic se movimentava e evitava ser encurralado pelo rival. O campeão tentou catar as pernas do camaronês, mas Ngannou resistiu, fez o sprawl e desferiu uma sequência de golpes no campeão, que aguentou o castigo e voltou a se levantar. Ngannou mostrava tranquilidade e, sem se afobar, chutava as pernas de Miocic, pontuando até o intervalo.

Stipe Miocic cai nocauteado por Ngannou no UFC 260 — Foto: Getty Images

Stipe Miocic cai nocauteado por Ngannou no UFC 260 — Foto: Getty Images

Apostando na movimentação, Miocic voltou para o segundo round usando a velocidade para não ser encurralado por Ngannou. O camaronês, no entanto, manteve a sua estratégia de luta, e após conectar um belo direto de esquerda que desequilibrou o americano, confirmou a vitória por nocaute com mais um golpe de esquerda que nocauteou Miocic de forma inapelável.

Francis Ngannou não deu chances a Stipe Miocic no UFC 260 — Foto: Getty Images

Francis Ngannou não deu chances a Stipe Miocic no UFC 260 — Foto: Getty Images

Confira todos os resultados do evento:

CARD PRINCIPAL
Francis Ngannou venceu Stipe Miocic por nocaute aos 52s do R2
Vicente Luque venceu Tyron Woodley por finalização aos 3m56s do R1
Sean O’Malley venceu Thomas Almeida por nocaute aos 3m52s do R3
Miranda Maverick venceu Gillian Robertson por decisão unânime (30-27, 30-27 e 29-28)
Jamie Mullarkey venceu Khama Worthy por nocaute aos 46s do R1
CARD PRELIMINAR
Alonzo Menifield venceu Fabio Cherant por finalização a 1m11s do R1
Abubakar Nurmagomedov venceu Jared Gooden por decisão unânime (triplo 30-27)
Michal Oleksiejczuk venceu Modestas Bukauskas por decisão dividida (29-28, 28-29 e 29-28)
Omar Morales venceu Shane Young por decisão unânime (triplo 30-27)
Marc-André Barriault venceu Abu Azaitar por nocaute técnico aos 4m56s do R3

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui