Escola Estadual Waldemir Barros da Silva concorre ao título de Destaque Regional no Prêmio Gestão Escolar

Florianópolis sedia nesta segunda e terça-feira (30 e 31.10), a etapa regional do Prêmio Gestão Escolar 2017, promovida pelo Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), em parceria com a Secretaria de Educação do Estado de Santa Catarina e o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). O evento vai reunir os gestores premiados nas etapas estaduais das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, para a escolha dos representantes de cada uma das três regiões. Mato Grosso do Sul concorre com a EE de Ensino Médio em Tempo Integral – Escola da Autoria Waldemir Barros da Silva, de Campo Grande.

A EE Waldemir Barros da Silva recebe diariamente 330 estudantes que participam ativamente dos projetos ofertados com a metodologia “Educar pela Pesquisa”.

Localizada no bairro Moreninha I, a Waldemir Barros da Silva recebe diariamente 330 estudantes que participam ativamente dos projetos ofertados com a metodologia “Educar pela Pesquisa”, tema da inscrição da escola no Prêmio Gestão. “Tivemos como referência o ano de 2016, que trouxe para a escola a identidade como escola de ensino médio, ano em que pudemos construir, junto com a SED [Secretaria de Estado de Educação], a proposta da educação integral de tempo integral, tendo a pesquisa como princípio educativo, com o respeito à autonomia e à liberdade de aprender”, explica a diretora Ernângela Maria de Souza Calixto, há 14 anos na direção do colégio.

 

Para Florianópolis, Ernângela viaja ansiosa pelo anúncio da escola “Destaque Regional”, mas satisfeita pelo reconhecimento até aqui. “A escola ficou muito feliz em saber que todo o seu trabalho vem sendo reconhecido”, destacou a diretora. “Além disso, é muito bom poder compartilhar nossos projetos e ouvir as experiências de bons educadores, do nosso Estado e País, em defesa de uma escola pública cada vez melhor. Espero representar bem o Estado de Mato Grosso do Sul e a Rede Estadual de Ensino”, completou.

Esta é a segunda vez que a escola é a melhor de Mato Grosso do Sul no Prêmio Gestão Escolar. Em 2011, Ernângela integrou o grupo de diretores brasileiros em uma viagem de intercâmbio pelos Estados Unidos, com objetivo de conhecer o sistema de ensino daquele país. “O reconhecimento deste prêmio é de toda a comunidade escolar, nossos estudantes e professores, com apoio forte e competente de nossos coordenadores e técnicos e do corpo administrativo, que é fundamental para uma escola que quer trabalhar nesta nova política que se estende pelo País que é a escola de tempo integral”, explicou a diretora. “É um compartilhamento de conhecimentos e experiências dos nossos profissionais, com os profissionais da SED e do apoio do professor Pedro Demo no desenvolvimento da nova metodologia”, disse.

Esta é a segunda vez que a escola é a melhor de Mato Grosso do Sul no Prêmio Gestão Escolar.

Prêmio Gestão Escolar

Realizado desde 1998, o prêmio contempla projetos inovadores e gestões competentes na Educação Básica da rede pública de todo o país. Para participar, o diretor teve que fazer uma autoavaliação de sua gestão. “Ao analisar os processos de gestão da escola, ele elaborou um plano de ação, construído com a participação da comunidade escolar”, explicou o presidente do Consed, Idilvan Alencar.

Esta é a 16ª edição do prêmio, que a partir de 2011 tornou-se bianual. Em mais de duas décadas, aproximadamente 34 mil escolas de todas as regiões do país participaram e mais de 7 milhões de estudantes foram beneficiados com os projetos implantados pelos gestores inscritos. Neste período, 90 escolas chegaram à etapa final e foram premiadas com recursos financeiros e equipamentos, além de formação e intercâmbio para os diretores. Participam escolas do ensino regular da educação básica, das redes públicas estaduais/distrital e municipais.

O processo de seleção das escolas inscritas se dá em quatro etapas: Local, Estadual, Regional e Nacional. Nas etapas Local e Estadual, representantes do Consed e da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), em cada unidade da federação, foram os responsáveis por selecionar os avaliadores e coordenar o processo seletivo em suas respectivas jurisdições, considerando os critérios descritos no edital.

Ernângela Maria de Souza Calixto, há 14 anos na direção da escola.

Nas etapas regionais, comitês contam com o auxílio de especialistas contratados pela Coordenação Nacional avaliação das escolas. Ao final, na etapa nacional, a Comissão, composta por representantes das instituições parceiras e do Consed, por meio de voto direto, secreto e unipessoal, indica a escola “Referência Brasil”.

Como premiação, haverá uma viagem de intercâmbio nacional para os representantes das escolas “Destaque Estadual”, uma viagem de intercâmbio a um país da América Latina para os representantes das escolas “Destaque Regional” e “Referência Brasil”, além de um prêmio em dinheiro, no valor de R$ 30 mil, para a escola “Referência Brasil”.

Gestão Escolar pelo Brasil

No dia 21 de outubro, o Caic de Palmas sagrou-se campeã da etapa Regional Norte, realizada em Rio Branco, estado do Acre. Nesta etapa de Florianópolis serão escolhidas as representantes das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. A cerimônia está marcada para as 17h30 desta terça-feira (31.10), no Hotel InterCity. Na região Nordeste, a premiação será realizada nos dias 9 e 10 de dezembro, em Natal, Rio Grande do Norte. Já a etapa final do Prêmio de Gestão Escolar 2017 será realizada no dia 4 de dezembro, em Bonito, Mato Grosso do Sul.