Discussão em seminário aponta programa de educação como solução para reduzir acidentes de trânsito

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MS) realizou o Seminário Estadual de Trânsito no Auditório da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), em Campo Grande, segunda-feira (19). O evento reuniu autoridades de instituições ligadas ao trânsito, professores, acadêmicos e instrutores de trânsito.

A discussão apontou a educação de trânsito para crianças e jovens como solução para reduzir acidentes de trânsito. A professora Ordália Alves de Almeida, palestrou sobre o tema “A criança, o adolescente, a cidade e o trânsito”, apresentando as ferramentas usadas no CEI Detran para educação de trânsito.

“O trânsito foi pensado por adultos, e o que nós queremos é o desemparedamento dessas crianças. Queremos que as crianças possam entender a dimensão dos carros, das vias. Estamos pensando na teoria para que tenham espaço para pensar na educação de crianças e adolescentes trazendo o viés do trânsito”, afirmou Ordália Alves.

Diretora do CEI Detran, professora Ordália Alves de Almeida

Apresentando dados sobre traumas causados por acidentes de trânsito e custos das internações, os médicos Jary de Carvalho e Castro e Felipe Roth, discutiram soluções para evitar acidentes. “Entre as medidas preventivas, temos que destacar a necessidade de mobilidade urbana para classes C e D, educação, respeito à sinalização e fiscalização de trânsito”, disse o médico Felipe Roth.

O seminário contou com o lançamento da 3ª edição do livro “Ir e Vir – Acessibilidade: compromisso de cada um”, do engenheiro civil Jary de Carvalho e Castro. “A educação é a solução para diminuir os acidentes de trânsito e consequentemente os impactos causados por eles”, disse Jary de Carvalho.

O gerente da UEMS de Campo Grande, Djanires Neto Lageano, mediou o debate e também enfatizou a importância da educação de trânsito. “Estamos muito felizes em receber um debate como esse aqui na UEMS. É o espaço perfeito para que possamos refletir e criar diretrizes de trabalho voltadas para educação como um todo, mas especialmente voltada para o trânsito”, disse o professor Dejanires.

Coral de servidores da UEMS e da UMA

A diretora de Educação de Trânsito do Detran-MS, Andrea Moringo, que representou o diretor-presidente do órgão, Rudel Trindade, agradeceu a participação de todos no debate e falou das ações do Detran-MS na área de educação. “Nós, da diretoria de Educação, somos atuantes durante o ano todo. A Semana Nacional do Trânsito é o momento de refletir e buscar, em discussões como estas, nortear nossos trabalhos”, disse Andrea Moringo.

O evento ainda teve a apresentação do Coral de Servidores da UEMS, o Coral da UMA/UEMS e a presença das seguintes autoridades: Deputado Estadual Junior Mochi, presidente da Santa Casa, Alir Terra Lima e Wellison Neves da Silva, membro da Comissão Especial de Trânsito da OAB.

 

Emmanuelly Castro, Comunicação Detran-MS
Fotos: Rachid Wequed

FonteGoverno MS