Cristiano Ronaldo chega a 109 gols por Portugal e iguala recorde de maior artilheiro por seleções

Cristiano Ronaldo tem mais recordes batidos que jogos disputados até aqui na Eurocopa. Único jogador a entrar em campo em cinco edições, maior goleador (agora com 14 gols) e também dono do maior número de vitórias na competição, CR7 alcançou nesta quarta-feira outra marca histórica, dessa vez a nível mundial: com dois gols marcados no empate em 2 a 2 com a Françachegou a 109 com a camisa de Portugal, igualando-se ao iraniano Ali Daei como o principal artilheiro de seleções.

Aos 36 anos, Cristiano Ronaldo não deixa o tempo prevalecer sobre o talento. Agora com cinco gols, disparou na artilharia da atual edição da Eurocopa, abrindo dois de vantagem sobre cinco concorrentes diretos: Forsberg (Suécia), Lukaku (Bélgica), Schick (República Tcheca), Wijnaldum (Holanda) e Lewandowski (Polônia), único já eliminado da competição.

Os cinco gols do camisa 7 português também são sua melhor marca nas cinco Euros que disputou. Na edição de estreia, em 2004, fez dois gols; deixou apenas um na Euro-2008; quatro anos depois, marcou três vezes na Euro-2012; e outros três em 2016, quando liderou Portugal na conquista inédita e histórica da Eurocopa. Agora, pode ser goleador de uma edição da Euro pela primeira vez.

Com Portugal classificado para as oitavas de final, Cristiano Ronaldo terá também a chance de se isolar ainda nesta Euro como o maior artilheiro de seleções, um recorde que parece apenas questão de tempo para ser só dele. Portugal volta a campo domingo, contra a Bélgica, em Sevilha, pelas oitavas de final.