CORINTHIANS QUADRUPLICA DÍVIDA COM A UNIÃO E SE TORNA MAIOR DEVEDOR NACIONAL

Em seis meses, a dívida do Corinthians com a União quadruplicou e levou o clube ao maior débito da série A, com R$ 130 milhões.

O Timão deve R$ 125 milhões em débitos tributários e R$ 5 milhões em dívidas previdenciárias, conforme registros da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional.

Em dezembro, quando nem se sonhava com a pandemia, o Corinthians devia R$ 32 milhões.

Até então, o campeão da lista era o Vasco, devendo R$ 88 milhões à União.

Hoje, o cruz-maltino é o segundo do ranking, após diminuir seus débitos para R$ 86 milhões.

O terceiro é o Sport Club de Recife, que deve R$ 63 milhões à União.

As contas do rubro-negro se deterioraram rapidamente: em dezembro, não devia um tostão sequer ao governo federal.