Bayern pode pagar R$ 165 milhões para contratar técnico do RB Leipizig, diz revista

Fortunas pagas por clubes para contratar jogadores é comum no futebol europeu. Já por técnicos é algo raro, mas que pode acontecer na próxima temporada com o Bayern. Segundo a revista alemã “Kicker” e outros veículos de imprensa do país, o clube bávaro está disposto a pagar até 25 milhões de euros (R$ 165 milhões na cotação atual) para tirar Julian Nagelsmann do comando do RB Leipzig.

Esse seria o valor que o time controlado por uma empresa de energéticos deseja como compensação para liberar o treinador. Nagelsmann, de apenas 33 anos e contrato até 2023 com o Leipzig, comunicou à diretoria seu desejo de treinar o Bayern. E segundo o jornal “Bild”, ele inclusive já teria chegado a um acordo salarial e de duração de contrato com o time de Lewandowski.

A direção do Bayern vê no técnico-prodígio o nome ideal para substituir Hansi Flick, que deixará o clube em junho após ter conquistado seis títulos na temporada passada. Ele deverá assumir o comando da seleção da Alemanha.

Apesar de novo, Nagelsmann é treinador da Bundesliga há cinco anos, tendo inicialmente assumido o comando do Hoffenheim. Com apenas 28 anos, ele foi o técnico mais jovem da história da Bundesliga e conduziu o clube de uma posição na zona de rebaixamento para uma eventual vaga na Liga dos Campeões.

Depois do sucesso no Hoffenheim, onde passou quase três temporadas completas, mudou-se para o RB Leipzig. Ele liderou o clube na Liga dos Campeões e de lá conduziu-o à semifinal de 2019/20, na qual foi derrotado pelo Paris Saint-Germain.

Nesta temporada, ele mantém o Leipzig na briga pelo título a três rodadas do fim. Missão difícil, claro (o time precisa vencer seus três últimos jogos e o Bayern perder igualmente nessas três últimas rodadas).

Hansi Flick à beira do campo durante jogo do Bayern de Munique — Foto:  EFE/EPA/MARTIN ROSE

Hansi Flick à beira do campo durante jogo do Bayern de Munique — Foto: EFE/EPA/MARTIN ROSE