AUXÍLIO BRASIL: quem paga a conta???

[12:31, 22/11/2021] Daniel Comunicação Fabio Trad Amigo: Com ressalvas, deputado federal Fábio Trad (PSD/MS) se diz a favor da implantação de todo o programa de distribuição direta de renda. O novo programa, segundo o parlamentar, deve ser financiado com recursos provenientes de uma revisão da política de incentivos fiscais, que somente em 2021, de acordo com dados da Unafisco Nacional, deixará de arrecadar R$ 315,4 bilhões em privilégios tributários concedidos a alguns setores econômicos “sem a mínima contrapartida para a sociedade brasileira”.

“Espera-se também que o novo ‘Bolsa Família’ não isente o governo federal da sua tarefa de combater o desemprego e a altas dos preços de alimentos, medicamentos, gás e combustíveis. Até porque, de nada adiantará dar o Bolsa Família com preços cada vez mais altos em produtos de primeira necessidade”.
[12:31, 22/11/2021] Daniel Comunicação Fabio Trad Amigo: Em sessão na noite de ontem (18/8) na Câmara, deputado Fábio Trad manifestou posição contrária à PEC 32, que, se aprovada, retirará direitos de 10,3 milhões de servidores (55% municipais, 28% estaduais, 9% federais e 8% estatais) e sucateará o serviço público prestado à população brasileira, sobretudo os mais carentes e necessitados.