Apesar de toque de recolher e lotação de UTIs em 100%, baile funk lota casa noturna em Campo Grande

‘Primeiramente agradeço a Deus por conceder mais um dia de vida’, cantam os jovens sem máscaras

Show lotado, sem máscaras, em lugar fechado e sem distanciamento chocou quem viu as imagens

Apesar das recomendações para evitar aglomeração para conter o avanço da Covid-19, o novo coronavírus, como o toque de recolher a partir da meia-noite, um baile funk foi registrado nesta sexta-feira (27) em Campo Grande. Com o risco da saúde entrar em colapso com a falta de leitos para as internações, atingindo 100% de ocupação, a Capital voltou a entrar na zona vermelha de grau de risco para a doença.

Imagens divulgadas por um leitor mostram a festa regada a bebidas alcoólicas, com som muito alto e muitas pessoas aglomeradas de frente ao palco. A atração da festa era um cantor de funk e show estava sendo divulgado nas redes sociais há uns dias.

“As pessoas não entendem o quanto isso é perigoso, o quanto isso pode prejudicar o sistema de saúde da nossa cidade. É um absurdo. Estamos quase sem UTIs, de tantas pessoas internadas com o coronavírus e temos que nos deparar com isso”, disse o leitor.

Durante o vídeo, os jovens, sem máscara, cantam trecho de um funk cantando pelo artista no palco. “Primeiramente agradeço a Deus por conceder mais um dia de vida”, da música ‘Obrigado Deus’, do MC Lipi, com participação do MC Paulin da Capital.

A reportagem entrou em contato com quem seria o responsável pela casa de shows, indicada como Vitrine Shows. No entanto, o homem afirma não ser o responsável pelo local e que nome de sua empresa é igual à usada pelos organizadores. O lugar onde a festa aconteceu teria sido em uma antiga casa de shows na Avenida Brilhante.

Para denúncia de festas com aglomeração de pessoas, é possível ligar para a Guarda Municipal de Campo Grande pelo telefone 153. Denúncias de festas durante a pandemia também podem ser feitas à PM (Polícia Militar) no número 190, já que o caso pode ser ‘enquadrado’ como descumprimento de medida sanitária e perturbação de sossego.

Confira o vídeo da festa: